Alergia ao leite de vaca: um novo método simples para detectar alérgenos!!

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

Embora as alergias aos alimentos sejam frequentes, os pacientes no geral não sabem exatamente quais componentes dos alimentos produzem suas reações alérgicas. Este conhecimento poderia ajudar a desenvolver tratamentos individualizados, como o fato de “treinar” o sistema imunológico do organismo para responder a determinadas proteínas presentes nos alimentos. No entanto, determinar qual proteína de um alimento produz uma resposta alérgica a um paciente precisa de testes que frequentemente omitem alérgenos incomuns ou inesperados.

leite 04

Os cientistas da Escola Politécnica Federal de Lausana (EPFL), em sua pesquisa publicada no Analytical Chemistry, têm descoberto um método muito sensível que pode identificar com rapidez e exatidão as proteínas causadores das reações alérgicas inclusive a muito baixas concentrações. O método foi avaliado satisfatoriamente no contexto da alergia ao leite de vaca.

leite 02

As alergias aos alimentos hoje em dia estão se tornando generalizadas no mundo ocidental e afetam cerca de 6% a 8% dos meninos e quase 3% dos adultos. Estes tipos de alergias ocorrem quando o sistema imunológico do organismo confunde uma proteína alimentar inócua com um risco e a ataca como normalmente o faria com uma bactéria ou vírus. Isto produz sintomas como edema, exantemas, dor e inclusive choque anafiláticos potencialmente letais.

A alergia ao leite de vaca é frequente em meninos e lhes impede amamentar-se e tomar leite, mas em alguns a alergia desaparece aos 6 anos de idade.

leite 05

O método representa uma forma personalizada de identificar as proteínas exatas que podem causar alergias ao alimento de um paciente, o qual pode ajudar a criar um tratamento eficaz.

Também é mais rápido, já que não existe a detecção e a quantificação de anticorpos IgE específicos do paciente ou dos métodos diagnósticos complexos e de recursos intensivos que se utilizam na atualidade.

leite 01

Por último, proporciona uma maior exatidão que os métodos de testes de alergia habituais, já que pode detectar muito pequenas quantidades de proteínas alérgicas, mesmo que sejam inesperadas e incomuns. Isto também significa que o método pode não só limitar-se ao leite mas também utilizar-se para outros alimentos como frutos secos e produtos derivados do trigo.

FONTE MEDCENTER

Receba as melhores dicas para melhorar sua qualidade de vida.

Fernando Muterle

Olá, eu sou Fernando Muterle – professor Universitário e também Fundador do “IMCF” . O IMCF foi criado com o objetivo de promover o Networking entre profissionais, estudantes e interessados, com temas pertinentes a saúde e qualidade de vida. Participe, assista as entrevistas e registre a sua opinião.

Website: http://imcf.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *